quinta-feira, 29 de julho de 2010

Palavras de quinta: 29/07/2010 - 2 Crônicas 7.14


Foi numa noite de quinta-feira, num culto de oração em 29 de Julho de 2010, onde compartilhei a palavra pela primeira na igreja (eu acho?), enfim quero compartilhar aqui também um pouco deste tempo que foi muito bom para mim.
~ # ~

Em toda a palavra do Senhor nós vemos o cuidado de Deus para com os seus filhos.
E tem um texto na palavra do Senhor, para ser mais específico, um versículo que me chama muito a atenção, que está em 2 Crônicas 7.14, é um versículo muito conhecido, mas que eu não conhecia o seu contexto.

O livro de 2 Crônicas começa falando sobre rei Salomão, filho de Davi, um homem dedicado ao seu reino, que era escolhido do Senhor e o Senhor era com ele. O texto descreve ainda as visitas do Senhor a Salomão.
Em uma dessas visitas, o Senhor pergunta a Salomão o que ele quer, que era só ele pedir. E o mais impressionante foi o que Salomão pediu ao Senhor. Ele pediu sabedoria e conhecimento! Diante de uma pergunta dessas, nos nossos dias, seriam tantas as opções de pedidos, dúvidas diversas... mas deveríamos fazer como Salomão fez e pedir ao Senhor o mesmo, sabedoria e conhecimento para lidar com as diversas situações pelas quais passamos; ele fez esse pedido pois sem isso, não seria capaz de governar um povo tão numeroso quanto ele tinha.
Salomão pede ao Senhor que cumpra as promessas feitas a seu pai, Davi. E o Senhor confirmou a sua palavra com relação a vida de Salomão. E no decorrer deste livro vemos o rei no comando da construção da casa do Senhor, conforme o Senhor havia dito que não seria Davi a construir, mas sim o seu filho.

Salomão orava por aquele lugar e quando terminou a casa do Senhor, naquela noite, apareceu o Senhor a Salomão outra vez e disse que ouviu a oração dele e que escolheu a casa que ele construiu! O Senhor faz promessas a ele e ao povo:

"E se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face e se converter dos seus maus caminhos, então eu ouvirei dos céus, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra."

Eu creio que essa promessa é para nós também. Ela serve para os nossos dias também. Mas a diferença é se há a disposição de cumprir o que o Senhor pede.

E o Senhor prossegue:

"Porém se vós vos desviardes, e deixardes os meus estatutos, e os meus mandamentos, que vos tenho proposto, e fordes, e servirdes a outros deuses, e vos prostrardes a eles, então os arrancarei da minha terra que lhes dei, e lançarei da minha presença esta casa que consagrei ao meu nome, e farei com que seja por provérbio e motejo – avacalhação – entre todos os povos. E desta casa, que é tão exaltada, qualquer que passar por ela se espantará e dirá: Por que fez o SENHOR assim com esta terra e com esta casa? E dirão: Porque deixaram ao SENHOR Deus de seus pais, que os tirou da terra do Egito, e se deram a outros deuses, e se prostraram a eles, e os serviram; por isso ele trouxe sobre eles todo este mal."
 O Senhor pediu ao povo fidelidade a Ele. Hoje o se dobrar a outros deuses, se refere a tantas coisas, pois aquilo que toma o lugar de Deus, se torna o seu deus. Relacionamentos, dinheiro, trabalho, carreira, sonhos... tomam o lugar de Deus, se não dominamos nossos desejos desenfreados.

A lei foi criada por Deus para que o homem tivesse noção do bem e do mal. Agradar a Deus parecia estar resolvido, de forma simples, obedecendo a Deus e aos seus mandamentos. Mas por causa do pecado, a curiosidade, a tentação, os questionamentos... tudo isso influenciou o homem a abandonar e desobedecer aos mandamentos do Senhor. E hoje nós temos a graça, mas abusamos dessa graça.

Os discípulos de Jesus fizeram uma pergunta para Ele:

Mestre, qual é o grande mandamento na lei? E Jesus disse-lhe: Amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu pensamento. Este é o primeiro e grande mandamento. E o segundo, semelhante a este, é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo. Destes dois mandamentos dependem toda a lei e os profetas” (Mateus 22.36-40).

Se amarmos ao Senhor acima de todas as coisas, não vamos desobedece-lo. E amando ao Senhor, fazendo o bem, amando ao nosso próximo, estaremos cumprindo a Lei. Pois, iremos respeitar o direito dos outros... o que plantarmos, vamos colher!


Espero que está mensagem seja útil a você!

Se puder medite em: 2 Crônicas do capítulo 1 ao 7.

Um abraço,

Zhé Lopes - 29/07/2010

0 comentários:

Postar um comentário

Copyright © 2014 <>< S E R E S P A P E F I C O ><> | Designed With By Blogger Templates | Distributed By Gooyaabi Templates
Scroll To Top